Home Quem Somos Faça parte O que fazemos Novidades Contato Imprensa Doe


A importância da inteligência digital para o terceiro setor

20.09.2017

Por Rodrigo Chaves, consultor de marketing voluntário

 

As organizações sem fins lucrativos também devem se preocupar com os resultados obtidos provenientes dos seus esforços de marketing no meio digital, utilizando-se assim da análise destes dados para atingir com mais eficiência os seus objetivos.

 

Porém, apenas a utilização ou configuração de ferramentas não é suficiente, mas sim é necessário um trabalho envolvendo o levantamento de informações, identificação de indicadores-chaves de performance, implementação de um plano de inteligência digital e após isto os dois pontos que as empresas mais pecam: análise e melhoria.

 

Não adianta ter um trabalho complexo inicial para captar os dados, se estes não são devidamente interpretados gerando insights e soluções que serão devidamente aplicados nas plataformas digitais da organização, gerando um ciclo virtuoso de identificação do problema e melhoria.

 

Ainda, há que ser feito este trabalho de forma frequente e controlada, não adiantando que ele seja feito sem um planejamento e processos  adequados, isto acarretará apenas no gasto ineficiente dos recursos financeiros da organização, visto que o insight não culminará na ação.

 

O ideal é que este tipo de trabalho seja feito quando a organização já possuir objetivos claros quanto ao que quer fazer na internet, seja angariar doações, voluntários ou divulgar uma ideia, e estiver comprometida em melhorar seus resultados de forma constante.

 

Devem também ser procurados profissionais que tenham conhecimento e experiência em inteligência digital e que saibam analisar e configurar ferramentas de webanalytics, para evitar que sejam captados dados de forma errônea e consequentemente gerando análises equivocadas.

Amicus Pro Bono

PLATINUM

AURUM

ARGENTUM

CUPRUM

Parceiros

Financiadores